CRP-PR cria cadastro para Psicólogas(os) que atendem em Libras

No Brasil, mais de dois milhões de pessoas vivem com algum tipo de deficiência auditiva, segundo a Pesquisa Nacional de Saúde de 2013, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). A comunicação dessa população pode ser feita pela Língua Brasileira de Sinais, mais conhecida como Libras.

A Libras é um sistema linguístico visual-motor com gramática específica que necessita da combinação de gestos. É uma das línguas de sinais, as quais variam de acordo com o país ou região para elaborar os significados de acordo com cada cultura.

A comunicação em Libras é fundamental para a inclusão social de pessoas com deficiência auditiva, uma vez que é uma das maneiras de compreender o mundo a sua volta e expressar ideias, fatos e sentimentos – e é regulamentada desde 2002 pela lei nº 10.436, que prevê que os sistemas públicos de Saúde e Educação devem apoiar o uso e difundir a língua, assim como garantir atendimento e tratamento adequado aos deficientes auditivos.

Psicologia

O atendimento psicológico em Libras auxilia na promoção da qualidade de vida dessas pessoas, que passam por dificuldades e sofrem preconceitos. O domínio da língua é essencial para o processo de interpretação e para uma comunicação direta com o(a) paciente. O Psicólogo Aldemar Balbino da Costa (CRP-08/14029), que é pós-graduado em Educação Especial Bilinguismo (Libras/Português) pela Fundação de Apoio da Universidade Federal do Paraná (Funpar), comenta que o atendimento a essa população pode levar algum tempo por conta do aprendizado da língua. Além disso, segundo ele, “é necessário conviver com o povo surdo para entender sua construção visual de mundo”.

Atualmente, poucas(os) Psicólogas(os) oferecem um tratamento psicológico que atenda às necessidades destas pessoas. Por isso, o CRP-PR convida as(os) profissionais que se sentem aptas(os) a realizar este atendimento a preencherem o formulário nesse link, que tem por objetivo formar um banco de dados com profissionais que atendem na língua. Este espaço, a ser disponibilizado no site e divulgado em diferentes meios de comunicação, servirá para a consulta da sociedade.

Fonte: Conselho Regional de Psicologia do Paraná – CRP-PR

0 comments on “CRP-PR cria cadastro para Psicólogas(os) que atendem em Libras

Leave Comment