Mãe cobra implantação de ensino bilíngue para surdos

A comunidade surda de Araraquara luta, já há algum tempo, para equiparar suas possibilidades e oportunidades com as dos ouvintes. “A inserção de salas bilíngues na rede educacional seria o início perfeito para tanto”, propõe Silmara Aparecida Henrique, mãe de Alice, uma estudante surda de 16 anos.

SÃO PAULO – Ela procurou a vereadora Thainara Faria (PT) para discutir a possibilidade de criação de tais salas no ensino municipal.

Silmara relata que sua filha encontra várias dificuldades. “Atualmente não temos, aqui na cidade, a atenção devida para essa situação. Vários pais se preocupam e vencem barreiras todos os dias”, disse. Ainda segundo ela, muitos adolescentes não sabem ler nem escrever e, portanto, não conseguem se profissionalizar. “Isso os deixa com a autoestima baixa, além de dificultar o contato em casa. Pense no seu filho. Agora, imagine que ele não consegue se comunicar claramente com você, nem você com ele”, enfatiza.

Alguns alunos vão até cidades próximas para participar de aulas, mas nem todos têm condições de fazê-lo. “É necessária a oferta desse atendimento aqui na cidade”, sugere a parlamentar, que já se reuniu com a Secretaria de Educação para discutir o assunto. “Já temos uma sala que foi destinada para o ensino bilíngue, falta apenas o edital para contratação dos professores”, acrescenta.

Segundo a mãe de Alice, os alunos estão ansiosos por essa nova fase. “Eles só querem ter a oportunidade de estudar, de entender o mundo.”

Fonte: Câmara Municipal de Araraquara

Já conhece a Audithus? Venha nos visitar!
contato@audithus.com.br
São Caetano: 11 2376-7703
Santo André: 11 2325-3357
São Bernardo: 11 3907-6463
Mauá: 11 4544-2371

0 comments on “Mãe cobra implantação de ensino bilíngue para surdos

Comments are closed.